Blog

Toda a Informação Sobre Rótulos e Etiquetas

Etiquetas de Composição: 4 Dicas Escolher Impressora de Etiquetas Têxteis

Publicado por: José Duarte

Post Date 25/mar/2015 18:39:36

Na área têxtil, um dos pontos fulcrais no processo industrial é a identificação do vestuário com os símbolos e temperaturas de lavagem ou cuidados a ter com a peça. Essa etiqueta é denominada por "Etiqueta de Composição".

etiquetas-roupa-intro

Cada vez mais, as empresas do sector textil procuram autonomia e uma rápida resposta às suas necessidades do dia a dia. Para a eficiência a imprimir etiquetas de composição de produtos texteis, é essencial uma boa escolha da impressora de etiquetas.

A seguir apresento 4 dicas para escolher impressora de etiquetas têxteis:

1- Robustez da Impressora de Etiquetas Texteis de Composição

A escolha do material das etiquetas de composição normalmente recai na poliamida ou cetim. As caracteristicas físicas desses materiais fazem com que a robustez da impressora, especialmente da cabeça de impressão, seja um aspecto importantissimo.

Pack Textil Codimarc

Mesmo que tenha o máximo de cuidado com a manutenção da impressora térmica, se a mesma não for compacta e robusta irá ter problemas mais rápidamente que o desejável. Em suma, invista numa solução duradoura e não num “desenrasque” veja aqui quanto pode poupar na impressão de etiquetas.

etiquetas-roupa-codimarc

2- Capacidade de Armazenamento de Fita nas Impressora  

A generalidade dos fornecedores de poliamida/cetim produzem fitas com 200 metros, o que faz com que o diâmetro externo dos rolos sejam maiores que os restantes consumíveis. É um aspecto muito descurado na escolha das impressoras, que depois poderá trazer problemas devido à incapacidade dessa impressora térmica suportar a dimensão dos rolos.

Além de questões físicas da impressora, a utilização de rolos com diâmetro superior possui mais vantagens, pois quanto mais metros tiverem mais etiquetas se conseguem imprimir, o que garante menos pausas para trocas de consumíveis, logo aumenta o RENDIMENTO.

3- Velocidade de impressão

Para quem procura qualidade e rendimento, a escolha recai sobre uma impressora que conjugue essas duas características. Ao contrário das etiquetas autocolantes, onde podemos aumentar a produtividade através da velocidade de impressão ou na utilização de rolos de etiquetas com mais do que uma via, nas etiquetas de composição a capacidade de potenciar o trabalho está limitado à velocidade.

4- Versatilidade

Muitas empresas, no processo de compra de impressoras de etiquetas olham numa única direcção, isto é, impressão de etiquetas, não se lembrando que num futuro próximo, se tudo correr bem, vão precisar que esta se torne numa solução completa. 

Tendo em conta este facto, a escolha de uma impressora com versatilidade é o ideal para o seu negócio. Exemplo disso, é a impressora Citizen CL-S700 que alia aos pontos descritos anteriormente a versatilidade.

Esta é uma das impressoras que tem a capacidade de acoplar um modulo cortador, que de forma automática e programada, pode fazer o corte da etiqueta, poupando tempo preciosos neste processo.

Como é fácil de deduzir, a escolha de uma impressora de etiquetas é sempre um processo sensível devido à vasta oferta existente, e por vezes, poderá desviar-nos dos pontos essenciais a ter em conta na compra da etiquetadora zebra.

Para imprimir etiquetas têxteis, e tendo em conta a especificidade dos consumíveis, uma boa decisão logo de inicio, torna-se fulcral para que o seu investimento seja um investimento rentável.

Amostra Ribbon Grátis

Autor: José Duarte

Entusiasta por Música e Desporto, Praticante de Crossfit e Treinador de futebol. Dedica-se diariamente em facilitar a rotulagem das empresas, sendo Especialista em Equipamentos de IDentificação, Rotulagem e Etiquetagem!

Topics: Impressoras Etiquetas

Receba artigos no email

Posts Recentes

Orçamentos de Etiquetas na Hora

Pesquisar Artigos